Projetos e pessoas extraordinárias que estão a mudar o mundo


Navigation Menu+

O PRINCÍPIO DA INTUIÇÃO (PARTE I)

Written by Angela Artemis      Jul 22, 2019

photo-1429032021766-c6a53949594f

Quando estiver intuitivamente inspirado, o mundo vira até si.

intuition_1pt

Agrada-lhe a ideia de cumprir os seus objetivos sem ter de se esforçar muito?

 

Está cansado de pensar demasiado em tudo e de, ainda assim, não estar seguro de ter feito a escolha certa?

 

Se respondeu sim a ambas as questões, então deve considerar desenvolver a sua intuição e faculdades psíquicas, às quais também chamamos percepção extrassensorial ou sexto sentido.

 

Quando era mais nova, não estava em contacto com a minha intuição. Tinha receio de confiar nela e seguir o meu sonho de ser escritora. Acabei por escrever este livro porque isso começou a travar o meu crescimento pessoal e a minha felicidade. Senti um apelo para partilhar com os outros o que tinha aprendido na minha tentativa de me reconectar com a minha intuição. Esperava que a minha experiência pudesse poupar outras pessoas ao trabalho que eu tinha tido; tinha despendido tanto tempo a perseguir o caminho errado.

 

Jamais se irá aperceber disto no dia-a-dia, mas você é mais extraordinário do que julga ser. A sua consciência existe em muitos mais níveis do que pensa e acede a uma esfera infinita de inteligência a cada momento. Quando acedemos a esta Inteligência Superior1 e a uma infinita fonte de criatividade, tornamo-nos melhores na resolução de problemas e na tomada de decisões, o que contribui para o nosso sucesso na vida. Desenvolver e recorrer à nossa intuição é um talento muito prático.

 

A intuição, que inclui as faculdades psíquicas, abre um leque maior de processos mentais. Somos capazes de chegar ao que o psicólogo suíço Carl Jung2 chamou “inconsciente coletivo”,3 e ao que designo como Inteligência Superior. O “inconsciente coletivo” de Jung pressupunha que a humanidade tinha acesso a um vasto armazém de conhecimento universal. O campo da Inteligência Superior é a fonte do verdadeiro conhecimento. Quando atingir o inconsciente coletivo, irá começar a receber espontaneamente respostas a perguntas que o têm importunado há muito tempo.

 

Ao aprender a usar a sua perceção extrassensorial, estará a expandir a sua mente, conectando-se com a sua verdadeira natureza criativa e o seu potencial infinito. Aperfeiçoar as suas capacidades não leva assim tanto tempo e aprender a explorar a sua intuição também não. Aprender a usar esta capacidade natural é algo divertido e que não requer esforço.

 

Muitas pessoas nunca chegam a utilizar toda a sua perceção extrassensorial. A nossa cultura não valoriza esta forma de acesso ao conhecimento. Fomos enviados para escolas onde nos foi dito que tínhamos de memorizar factos e fórmulas matemáticas. Tudo o que interessava era o conhecimento quantificável. A intuição, no entanto, é uma inteligência inata com que toda a gente nasce. Assim que a começar a desenvolver, verá quão depressa tudo vira até si – é quase como andar de bicicleta. Jamais desaprenderá.

 

Viver autenticamente

intuition_2pt

Quando estamos em sintonia com a nossa intuição, também estamos em sintonia com a nossa autenticidade. O eu autêntico é o potencial puro e selvagem que vive dentro de cada um, como a bolota tem potencial para se tornar num frondoso carvalho se for bem cuidada. O seu eu autêntico é o que se espera de si. É aquele em que se pode tornar, se acreditar e deixar o potencial manifestar-se. Tem de cavar bem fundo para se reconectar com o seu eu autêntico. Mas antes tem de aprender a confiar e a seguir a sua intuição.

 

A sua intuição é como o seu sistema de orientação interno. Ela guiá-lo-á onde é suposto ir na vida se o deixar. Quando estamos conectados com a nossa intuição, estamos alegres. A vida flui. Não podemos ser controlados pelos outros ou pela sabedoria convencional, seguindo-os porque sim. Tornamo-nos nos comandantes da nossa própria vida, o nosso eu autêntico está verdadeiramente conectado com a nossa missão divina e o nosso verdadeiro propósito.

 

Você está aqui e agora com um propósito. Tem uma missão de vida e, assim que se reconectar com a sua intuição, ela tornar-se-á clara. Ela deixá-lo-á cumprir o seu destino. A sua intuição é a voz da sua própria orientação, e esta ajudá-lo-á a encontrar a sua missão e o seu verdadeiro propósito.

 intuition_3pt

As dificuldades que teve até aqui tornar-se-ão certezas. E perceberá por fim por que certas pessoas estão na sua vida. E verá que mesmo as relações difíceis têm nela o seu lugar ao lhe darem lições para a vida. A sua vida começará finalmente a fazer sentido, e perceberá o sentido mais amplo por detrás daquilo por que passou. Todas as falsas camadas sob as quais se tem escondido desintegrar-se-ão e descobrirá o seu verdadeiro eu – o brilhante eu que estava destinado a ser.

 

O seu eu autêntico não se consegue afirmar enquanto não estabelecer uma ligação com a Inteligência Superior, que por seu turno lhe fala através da intuição. Ignorar a voz da sua intuição é estar desligado da sua fonte. Se deixar que os outros o influenciem, subestimem, ou se se subestimar a si próprio, começará a cortar este nova ligação delicada. Quando começamos a dar ouvidos aos outros em relação à nossa intuição, ficamos confusos e em pânico. Começamos a debater-nos connosco e deixamos de nos sentir conectados com aquela chama interior, desejo e sede pela vida. Estamos por nossa conta e do nosso escasso vapor, privados dos benefícios desta fonte magnânime.

 

O segredo de uma vida pulsante está em sermos guiados por esta inteligência. Ao seguirmos a nossa intuição, temos acesso a uma fonte inesgotável de sabedoria, criatividade e amor. Esta fonte nunca seca. Mas nós, seres humanos, podemos ficar sem energia, cansados e esgotados. Deprimidos, em baixo, assustados, perdidos, confusos, ou podemos perder o entusiasmo por aquilo que estamos a fazer. Quando a Inteligência Superior alimenta os nossos esforços, nunca nos deparamos com nenhum destes problemas, porque aí teremos descoberto o poder que nos criou – o poder que sabe do que nós somos capazes.

 

É precisa confiança para deixar que esta inteligência comande as nossas vidas. Quando a Inteligência Superior nos aponta o caminho, seguimos a nossa intuição e provamos que somos fortes o suficiente para prescindirmos de um comando, deixamos de basear as nossas decisões no medo. Quando a intuição nos guia, a Inteligência Superior chega para nos preencher. Jamais se voltará a sentir esgotado – é impossível sentir-se esgotado quando continuamente alimentado pela intuição. É este o segredo para conseguir viver a sua grandiosidade. Esta sabedoria intuitiva inspirá-lo-á a regressar ao lugar a partir do qual está destinar a caminhar.

 

Você tem uma missão e um projeto de vida que contém as lições singulares de vida de que precisa para definir e fortalecer o seu caráter. Poderá ter de aprender a ter relações harmoniosas ou a sustentar-se financeiramente. Poderá ter de aprender a amar incondicionalmente ou a lidar com o sofrimento e outros desafios. Todas essas razões permanecerão ocultas enquanto não conseguir chegar à sua intuição. Terá de ser capaz de ouvir e confiar na Inteligência Superior para voltar ao trilhos e despertar para o sonho que tem vindo a viver. E aí começará de facto a viver.

 

Jamais viverá a sua autenticidade enquanto não se alinhar com a sua intuição. Quando começar a trabalhar nela, em vez de a afastar, encontrará a cura. Deixará de permitir que os outros se intrometam na sua vida e o controlem. Começará a fazer escolhas mais sensatas com base naquilo que é certo para si – e não para os outros. As pessoas que o rodeiam sentirão logo as mudanças dentro de si. Deixará que a família aprenda e cometa os seus próprios erros sem sentir necessidade de ir a correr salvá-la. Tornar-se-á num grande exemplo para os que o rodeiam; eles também quererão ouvir a sua própria voz interior.

 

A sua autoconfiança far-se-á notar e inspirá-los-á, assim como a firmeza das suas convicções, a sua confiança e a forte crença em si mesmo. Ao se tornar na pessoa que está destinada a ser, à sua volta todos perceberão que também poderão descobrir e conquistar a sua grandiosidade seguindo o seu exemplo. Os seus filhos aprenderão através de si a estar em contacto com a sua verdadeira essência, e ensiná-lo-ão aos filhos deles. Este ciclo acabar por envolver todo o mundo e dominar. Quando isso acontecer, veremos que mudámos o nosso mundo para melhor.

 

1 Nota da autora: Uso o termo Inteligência Superior em vez de “criador” ou “Deus”.
or God.

2 Funk&Wagnalls New World Encyclopedia Online, “Jung, Carl
Gustav.”

3 “Collective unconscious,” acedido a 23 de Julho de 2011, EBSCOhost.

 

Angela Artemis trabalha com coaches que a procuram para poderem obter melhores resultados, sendo mais autênticos e autoconfiantes. Para saber mais sobre ela. clique aqui.

VEJA TAMBÉM

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

IM Magazine reserves the right to approve all comments.
Ofensive comments will not be accepted.