Projetos e pessoas extraordinárias que estão a mudar o mundo


Navigation Menu+

PERMACULTURA, AMBIENTES SUSTENTÁVEIS

     Fev 21, 2014

Permacultura

Desenvolvimento de ambientes saudáveis humanos.

Por permacultura entende-se a criação de habitats sustentáveis segundo os processos da natureza. O que pode ser traduzido numa gestão racional e sustentada dos recursos existentes, que permita ao homem viver num planeta saudável e equilibrado. Assim, as áreas em que os princípios e regras da permacultura podem atuar são todas aquelas que dizem respeito à intervenção na sociedade, como a arquitetura, engenharia, agricultura, economia e organização social.

Quando numa aldeia remota, do interior do Brasil, foi criado o Ecocentro IPEC (Instituto de Permacultura e Ecovias do Cerrado), a comunidade era pouco alfabetizada e o nível social medio-baixo, características comuns às áreas rurais mais remotas. À medida que o centro foi desenvolvendo o seu trabalho mais famílias chegaram para viver, atualmente são mais de 100. Agora, a água consumida é a da chuva, vários tipos de plantas asseguram o tratamento dos esgotos, as casas são construídas com materiais tradicionais, o sol e o vento são as principais fontes de energia e a escolaridade abrange toda a população. 

Este tipo de metodologias, do foro ambiental e social, podem ser replicados em qualquer ponto do globo, dependendo das suas características. Na verdade, a aplicação da permacultura trata-se precisamente da compreensão do ambiente, perceber quais as suas mais valias e o que poderá ser mais vantajoso tanto para as pessoas, como para o ambiente em determinado lugar.

Depois da experiência do Ecocentro, o IPEC seguiu para a construção da cidade sustentável. O local escolhido foi uma das zonas mais carenciadas do Brasil e as linhas de atuação são as mesmas: cuidar da Terra de forma a que o impacto humano seja positivo e não negativo, cuidar das pessoas promovendo o seu bem-estar e responsabilidade comunitária e impor limites ao consumo e repartir o excedente.

Exemplos da permacultura no mundo passam pelas cidades auto-suficientes do ponto de vista alimentar, como é o caso de Havana, em Cuba, as eco aldeias, como as portuguesas Quinta do Arco Íris, em Odemira, Quinta da Cabeça do Mato, em Viseu, Tamera, no Alentejo e Terramada, em Castro Marim, que integram a Rede Portuguesa de Eco Aldeias.

Para saber mais sobre Permacultura e conhecer projetos do que se faz neste sentido pelo mundo, leia o artigo publicado anteriormente na IM Magazine (com texto da jornalista Susana Torrão e design de Ecomunicação).  

VEJA TAMBÉM

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

IM Magazine reserves the right to approve all comments.
Ofensive comments will not be accepted.